Faro relança Prémio Municipal de Arquitetura e Arquitetura Paisagista


Encontram-se abertas, até 31 de março, as candidaturas ao «Prémio Municipal de Arquitetura e Arquitetura Paisagista», que tem como objetivo promover e incentivar a qualidade arquitetónica, a dignificação da imagem urbana, a valorização e distinção das obras mais relevantes a nível municipal, bem como a salvaguarda do património do concelho. Com a atribuição deste prémio pretende-se traduzir publicamente o reconhecimento do Município ao autor do projeto, ao promotor e ao construtor.
Podem concorrer entidades públicas e privadas e os autores dos projetos de arquitetura e arquitetura paisagista das obras que tenham obtido a correspondente autorização de utilização nos últimos três anos. O prémio será distribuído por três secções distintas: Obra Nova; Recuperação/Reabilitação e Espaços Exteriores, tendo o valor de mil e 500 euros por secção. O Regulamento do Prémio pode ser consultado no sítio da internet do Município, http://www.cm-faro.pt
Recorde-se que o projeto de regulamento do «Prémio Municipal de Arquitetura e Arquitetura Paisagista» foi aprovado pela autarquia e Assembleia Municipal em 2012 mas, por constrangimentos financeiros, não tinha sido implementado até à data. Antes disso fora instituído, em 1995, o Prémio Municipal de Arquitetura, com o objetivo de incentivar as boas práticas desta disciplina e contribuir para a melhoria da qualidade ambiental e construída do concelho. No entanto, com o passar do tempo, este prémio deixou de se realizar com a regularidade preconizada, retomando agora com uma novidade, a inclusão da arquitetura paisagista como uma das disciplinas a distinguir.

0 comentários:

Enviar um comentário