Tavira comemora Semana Santa


As celebrações quaresmais, em Tavira, integram diversos momentos, dos quais se destacam as procissões do Triunfo em Domingo de Ramos (9 de abril), do Enterro do Senhor (14 de abril), a Via Sacra (10 de abril) e o Concerto de Páscoa (16 de abril).
No dia 9 de abril, Domingo de Ramos, pelas 16h, tem lugar a Procissão do Triunfo, com partida da Igreja do Carmo. Organizada pela Irmandade de Nossa Senhora do Monte do Carmo, é composta por vários andores de talha dourada, os quais descrevem a vida de Cristo, desde o Monte das Oliveiras até à sua morte. Existem registos que dão conta que esta manifestação religiosa já se organizava, no ano de 1789, pela Ordem Carmelita da cidade de Tavira.
A Via Sacra, promovida pelas Paróquias de Tavira, decorre, no dia 10 de abril, a partir das 21h, num percurso composto por 14 estações. Trata-se de uma manifestação da Fé Cristã que tem como objetivo meditar na paixão, morte e ressurreição de Cristo. É o reviver, através de um caminho espiritual, dos últimos momentos da vida de Jesus Cristo na terra.
A Procissão do Enterro do Senhor tem lugar, no dia 14, Sexta-feira Santa, pelas 21h, a partir da Igreja da Misericórdia. Este ato religioso foi estabelecido, em Portugal, nos séculos XV e XVI, passando a integrar as celebrações tradicionais da Semana Santa.
Ainda neste âmbito realizam-se, nos dias 8 e 9, nas igrejas de Santa Luzia (8 de abril, 16h), Cabanas (8 de abril, 18h30), São Paulo (9 de abril, 9h), Conceição (9 de abril, 10h) e Santa Maria (9 de abril, 11h) a Celebração do Domingo de Ramos. No dia 13 é possível assistir, nas igrejas de Santa Luzia (15h), Conceição (18h) e Santa Maria (21h) à celebração da Ceia do Senhor.
Já nos dias 14 e 15 terá lugar, na Igreja de Santiago, pelas 10h, a Oração de Laudes. Também no dia 15 está prevista, pelas 21h, na Igreja de Santa Maria, a Vigília Pascal. No dia 16, realiza-se a Celebração da Ressurreição do Senhor nas igrejas de São Paulo (9h), da Conceição (10h), de Santa Maria (11h) e de Santa Luzia (11h30). Ainda neste dia tem lugar, pelas 9h45, com partida da Igreja de São Paulo, a Procissão da Ressurreição. As celebrações encerram, no dia 16, pelas 18h, na Igreja do Carmo, com o Concerto de Páscoa: Stabat Mater Dolorosa de Giovanni Battista Pergolesi.