Vila Real de Santo António é notícia no «The Guardian»


Vila Real de Santo António é notícia no Jornal «The Guardian», na sequência da missão organizada em setembro para prestar apoio às autoridades da Líbia na implementação de uma rede de cuidados primários de saúde e na reconstrução da sua rede de infraestruturas, fortemente afetada por episódios bélicos. Para tal, o município algarvio recebeu e deu formação a um conjunto de entidades líbias - maioritariamente ligadas ao poder local e à gestão hospitalar - para ajudar na criação de uma rede de cuidados de primeira linha, tendo igualmente organizado debates e visitas e partilhado um conjunto de boas práticas no setor, facto que é destacado pelo prestigiado jornal britânico.
Os resultados da jornada realizada em Vila Real de Santo António levaram o autarca Luís Gomes a apresentar, na Comissão de Cidadania, Governação e Assuntos Institucionais e Externos (Civex) do Comité das Regiões da União Europeia, os resultados e propostas da missão de apoio da UE, realizada em Portugal, com o objetivo de desenvolver uma rede de cuidados de saúde primários na Líbia. Segundo Luís Gomes, que foi mandatado pelo Comité das Regiões e pela Assembleia Regional e Local Euro-Mediterrânica (Arlem) para coordenar e dirigir a missão, “o trabalho realizado em Vila Real de Santo António tem sido um sucesso e marcou o início de um processo de cooperação para a reconstrução do território Líbio, contribuindo para um mediterrâneo mais seguro e para o reforço da política europeia de vizinhança”.
Entre os vários projetos em cima da mesa, foi acordado entre o município de Vila Real de Santo António e as autoridades líbias iniciar a preparação de um conjunto de cartas locais de saúde nos municípios líbios, tendo a Ordem dos Enfermeiros portuguesa demonstrado igual disponibilidade para desenvolver módulos de formação no terreno. Da mesma forma, a autarquia de Vila Real de Santo António colocou-se à disposição daquele país do Mediterrâneo para colaborar na construção de uma rede de cuidados primários de saúde e no desenvolvimento de projetos locais de proximidade, à semelhança do que tem sido concretizado no concelho, nos últimos 10 anos, em particular no campo da oftalmologia. “Este foi o primeiro passo de uma história de cooperação honesta e pragmática entre o País, a cidade de Vila Real de Santo António e a Líbia”, explicou Luís Gomes, defendendo, que “a reconstrução da Líbia significa um Mediterrâneo mais seguro, forte e cooperante”.
Além da chancela do Comité das Regiões, a iniciativa teve o apoio do Alto Representante para a Política Externa e Segurança da União Europeia, Frederica Mogherini, e integra-se na estratégia de Nicosia (ver texto de enquadramento). O presidente da Câmara Municipal de Vila Real de Santo António, Luís Gomes, é membro da Assembleia Regional e Local Euro-Mediterrânica (Arlem) desde outubro de 2015, no âmbito do seu trabalho no Comité das Regiões da UE.

0 comentários:

Enviar um comentário