Dia da Europa celebrado em Lagos


A CCDR Algarve, o Centro Europe Direct Algarve e o PO CRESC Algarve 2020 associam-se à Câmara Municipal de Lagos para festejar o Dia da Europa, subordinado ao tema o «Mar». Ao longo do dia 9 de maio, o programa oferecido à população é de muita celebração e festa, para recordar que se assinalam os 60 anos sobre assinatura dos Tratados de Roma e os 30 anos do programa ERASMUS, o programa mais europeu de todos os programas.
Entre o hastear da bandeira ao som da Banda Filarmónica Lacobrigense 1.º de Maio e o concerto do fim da tarde, pela Academia de Música de Lagos, no Auditório da cidade, haverá lugar a performances de teatro, percursos de descoberta para os mais novos e visitas a projetos financiados pelo PO regional. A conferência Ris3Azul, no período da tarde, proporá aos participantes debater as escolhas estratégicas da região, consubstanciadas na RIS3, os projetos e curso (ou não) e o lugar do Algarve na Política Comum de Pescas. Mais atlântico ou mais mediterrâneo Ocidental? Um filme proposto pela SCIAENA e uma comunicação inicial de Conceição Santos, da Direção Geral de Recursos Marítimos, darão o tom para a Mesa Redonda moderada por Maria João Bebbiano, (re)conhecida investigadora da Universidade do Algarve.
O Dia da Europa comemora a paz e unidade na Europa, assinalando o fim da 2ª Grande Guerra e o aniversário da «Declaração Schuman». A 9 de maio de 1950, Schuman propõe, inspirado por Jean Monnet, a criação de uma comunidade europeia para gerir a gestão de dois importantes recursos o carvão e o aço que eram a base do poderio militar e desenvolvimento industrial como garante da Paz. Em 1951, é criada a CECA, a primeira organização supranacional que abriu o caminho para a CEE, mais tarde chamada União Europeia. O 9 de maio - Dia da Europa - foi celebrado pela primeira vez em 1986. Inicialmente dirigido em particular à comunidade escolar, é hoje um dos símbolos da União Europeia e constitui uma oportunidade para desenvolver atividades e festejos que aproximam a Europa dos cidadãos. 

0 comentários:

Enviar um comentário