Abriram as candidaturas para o Prémio Regional Maria Veleda 2017

Estão abertas, até 15 de setembro, as candidaturas para a quarta edição do Prémio Regional «Maria Veleda»|2017, uma iniciativa da Direção Regional de Cultura do Algarve, integrada V Plano Nacional para a Igualdade de Género, Cidadania e não Discriminação – 2014/2017. Esta distinção propõe-se destacar e reconhecer o mérito de personalidades algarvias cujo longo percurso cultural e cívico as tenha revelado como protagonistas de intervenções particularmente relevantes e inovadoras na Região.
Desde a criação do Prémio foram distinguidos Maria Margarida Carmo Tengarrinha Campos Costa (1.ª edição) e José Luís Leite da Silva Louro (3.ª edição). Com a 4.ª edição completa-se a participação da DRC Algarve na Área Estratégica «Promoção da Igualdade entre Mulheres e Homens nas Políticas Públicas». Qualquer cidadão ou instituição regional, pública ou privada, poderá apresentar as propostas, a serem enviadas via postal para a sede da Direção Regional de Cultura, na Rua Dr. Pinheiro e Rosa, nº 1, 8005-546 Faro, ou entregues presencialmente.
O Regulamento e o respetivo Formulário para a inscrição da candidatura poderão ser acedidos em http://www.cultalg.pt/pt/MariaVeleda/ ou solicitados na Direção Regional de Cultura do Algarve. O Prémio tem associado um valor de cinco mil euros e uma medalha comemorativa, produzida pela Nova Cortiça, que considerou, mais uma vez, apoiar esta distinção. A designação do prémio pretende recordar e homenagear Maria Veleda, nascida em Faro (1871-1955), uma professora primária pioneira na luta pela educação das crianças e pelos direitos das mulheres, pelos ideais de justiça, pela liberdade, pela igualdade e pela democracia.