Câmara de Lagoa entregou mais de mil quilos de resíduos de rolhas de cortiça


A Câmara Municipal de Lagoa assinou, no dia 3 de abril de 2015, um protocolo com a Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza, no âmbito do «Projeto Green Cork» (Projeto de Reciclagem de Rolhas de Cortiça), com o objetivo de unir a reciclagem à conservação da natureza, possibilitando que as rolhas de cortiça sejam recicladas e o valor apurado seja aplicado na reflorestação de espécies originais da flora portuguesa, através do «Projeto Floresta Comum». Nesse âmbito, no passado dia 29 de maio, em parceria com a Corticeira Amorim Isolamentos, S.A. de Silves, a autarquia entregou 1.207 quilos de resíduos de rolhas de cortiça, recolhidos pelos vários parceiros da comunidade escolar do Concelho, da rede pública, privada e social.
Estes resíduos, embora não sejam utilizados na produção de novas rolhas, podem ser usados na indústria automóvel, na construção civil ou aeroespacial, decoração e vestuário. Para além do mais, a reciclagem deste tipo de material permite o financiamento de parte do Projeto «Floresta Comum», que utilizará exclusivamente árvores que constituem a floresta autóctone do país, entre as quais o sobreiro. Com o objetivo de despertar o interesse da comunidade escolar pela floresta autóctone e integrada no Projeto «Semana Verde – Green Week», teve lugar, no Concelho de Lagoa, a atividade «Planta a tua Árvore», de 20 a 24 de março, com a coordenação dos Serviços de Educação e Ambiente da Câmara Municipal de Lagoa e em que foram plantadas 320 plantas de várias espécies.
A Câmara Municipal de Lagoa lembra que os munícipes que pretendam colaborar com o Projeto «Green Cork» podem fazer entrega de rolhas de cortiça para reciclagem nos diversos pontos de recolha existentes no Concelho, nomeadamente nas Juntas de Freguesias, Biblioteca e Piscinas Municipais de Lagoa, assim como no edifício antigo da Câmara Municipal.


0 comentários:

Enviar um comentário