Helena Candeias venceu 18.º Concurso de Fado Cerveja Sagres Concelho de Vila do Bispo


O Salão de Festas da Sociedade Recreativa de Barão de São Miguel esgotou por completo, na noite de 27 de maio, para se assistir à grande final do Concurso de Fado Cerveja Sagres Concelho de Vila do Bispo. Na 18.ª edição, o artista convidado foi o fadista Camané, mas as atenção maiores estavam centradas nas cinco concorrentes em prova, designadamente Marta Alves (Lagos), Helena Candeias (Lagos), Vânia Rodrigues (Loulé), Sandra Reis (Beja) e Mafalda Vasques (Beja).
A difícil tarefa de escolher a vencedora estava nas mãos do júri composto pela vereadora da cultura da Câmara Municipal de Vila do Bispo e presidente do júri, Rute Silva, por Fátima Peres, locutora de rádio e jornalista, Pedro de Almeida, guitarrista e compositor, e o músico António Bruheim. E a qualidade foi, de facto, de primeiríssimo nível, não só na vertente sénior, mas também dos mais jovens, cuja final tinha acontecido no sábado anterior. Uma qualidade que foi atestada pelas prestações de Micaela Gonçalves (Silves), Afonso Silva (Portimão) e Zélia Viana (Aljezur), a que se juntaram ainda os vencedores da edição de 2016, nomeadamente Cecília Valentim e Renato Nené.
A iniciativa foi organizada pela Câmara Municipal de Vila do Bispo com o intuito de divulgar e estimular o gosto pelo fado, Património Imaterial da Humanidade, dar a conhecer novos talentos musicais e contribuir para o desenvolvimento cultural do concelho. Antes de se saber a decisão final dos jurados, o edil Adelino Soares considerou que este não era apenas um concurso, mas sim “um encontro das pessoas que amam o fado e o respeitam”. “Tenho o privilégio e a honra de chefiar uma equipa extraordinária que consegue organizar um evento desta dimensão com todo o profissionalismo. Temos recebido vários prémios a nível nacional e isso também se deve à qualidade e capacidade de trabalho dos funcionários da autarquia”, frisou o presidente da Câmara Municipal de Vila do Bispo.
Com as cinco concorrentes com os nervos à flor da pele, coube a Tânia Lucas revelar a decisão do júri, com Vânia Rodrigues a ficar em quinto lugar e a levar para casa um cheque de 150 euros; Sandra Reis foi a quarta classificada e recebeu igualmente 150 euros; Marta Alves ocupou a terceira posição do pódio e teve direito a um prémio monetário de 250 euros; Mafalda Vasques repetiu o segundo lugar da edição transata, conquistando um prémio de 500 euros; e Helena Candeias foi a grande vencedora do concurso, com um prémio de mil euros. A estes valores monetários juntaram-se diversos prémios oferecidos pelos muitos patrocinadores do concurso.

Texto: Daniel Pina  | Fotografia: Daniel Pina

Leia a reportagem completa em:
https://issuu.com/danielpina1975/docs/algarve_informativo__110