Lagos apresenta Plano Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas


O território correspondente ao concelho de Lagos, pela sua localização meridional e litoral, enfrentará grandes desafios no futuro em resultado das alterações climáticas, sendo expectáveis implicações significativas sobre os sistemas naturais, sociais e económicos. Por essa razão, exige-se também ao nível municipal a rápida definição de uma resposta adaptativa que reduza a sua vulnerabilidade atual e futura. Neste contexto, a Câmara Municipal de Lagos decidiu elaborar o Plano Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas de Lagos, que definirá uma estratégia de adaptação local às alterações climáticas e um plano de ação que a operacionalize, reduzindo a vulnerabilidade territorial deste território e promovendo a sua adaptação e resiliência.
O Plano será dado a conhecer no dia 7 de julho, a partir das 9h30, no Auditório do Edifício Paços do Concelho Séc. XXI. Na ocasião serão apresentados os seus objetivos concretos e partilhadas boas práticas de adaptação ao nível regional, visando dar início ao processo de participação dos atores estratégicos regionais e locais na sua elaboração. Para o sucesso deste processo será fundamental o envolvimento dos autarcas e dos técnicos do município, assim como os contributos de atores estratégicos do concelho e da região e a articulação com a Comunidade Intermunicipal do Algarve.
O caminho adaptativo para as alterações climáticas pretende ser consequente, incremental e operativo, com vista a tornar, efetivamente, o concelho de Lagos mais resiliente às vulnerabilidades atuais e futuras. A elaboração do Plano conta com a colaboração do CEDRU (Centro de Estudos e Desenvolvimento Regional e Urbano) e é cofinanciado pelo POSEUR 2014/20 – Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos.

0 comentários:

Enviar um comentário