Castelo de Aljezur vai ser palco de momentos fantásticos


«Momentos Fantásticos com Património» pretende contribuir para a afirmação da interculturalidade resultante da presença do cruzamento de povos e culturas, através da dinamização de atividades multidisciplinares com uma forte componente cultural, criativa e educativa. A iniciativa acontece no dia 15 de julho, a partir das 17h, com «Lugar do Passado e do Presente – Que lugar é este?» uma caminhada interpretativa pelo centro histórico de Aljezur onde se propõe uma reflexão em torno da cultura, identidade e do património e qual o seu contributo e papel nos «Lugares de Globalização». O ponto de encontro será junto ao mercado municipal e a atividade requer inscrição, através de sonia.felicidade@vicentina.org.
«O Chá das 5 -  Grupo de Leitura Teatral» tem início pelas 18h30, no Castelo de Aljezur, sendo uma criação de Neusa Dias, Paula Gonçalves, Cristina Chafirovitch, Inês Cardoso e Marta Gorgulho, acolhida pela Rizoma Lab. Neste programa, dedicado ao tema «Lugares da Globalização», textos de teatro desafiam a pensar sobre as forças e poderes da globalização em países outrora colonizados por Portugal. O público será convidado a participar, quer sejam crianças, jovens ou adultos que pretendam fazer parte do espetáculo e experienciar a possibilidade de interpretar personagens. Será apresentado o texto de «As Orações de Mansata», de Abdulai Sila, escritor natural da Guiné-Bissau.
Pelas 20h30 está prevista a apresentação de Conto Dançado «Milho por Peixe», um projeto de Arantxa Joseph que privilegia a interação com o público e que tem como ponto de partida as danças do continente africano e os contos e fábulas tradicionais das sociedades da sua costa ocidental. «Milho Por Peixe» tem como referência um conto tradicional recolhido na República do Togo e, para além de procurar divulgar valores de entreajuda e tolerância, pretende promover uma maior aproximação da população portuguesa, proveniente de diversos backgrounds culturais, à cultura africana.
«Momentos Fantásticos com Património: Lugares falados em Comum» irá acontecer ainda na Fortaleza de Sagres, no dia 23 de setembro, com um programa multidisciplinar, desta vez com a apresentação de «O Pagador de Promessas», do dramaturgo brasileiro Dias Gomes, pelo «Chá das 5 - Grupo de leitura teatral»,  um atelier para crianças, «Petiscos e Sabores a Lusofonia», entre outras atividades. A programação é da responsabilidade da Vicentina – Associação para o Desenvolvimento do Sudoeste, para o DiVaM 2017 – Dinamização e Valorização dos Monumentos, programa cultural da Direção Regional de Cultura do Algarve. 

0 comentários:

Enviar um comentário