Mário Laginha visitou exposição sobre Loulé patente no Mosteiro dos Jerónimos


O pianista e compositor Mário Laginha visitou, no dia 27 de julho, a exposição «LOULÉ. Territórios, Memórias. Identidades», que está patente no Museu Nacional de Arqueologia, no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa. A exposição inaugurou a 21 de junho e revela mais de sete mil anos de ocupação humana no que é hoje o concelho de Loulé, o maior do Algarve e também o mais povoado, onde se situam alguns dos melhores resorts turísticos da Europa.
Da visita guiada pelo diretor do Museu, António Carvalho, Mário Laginha destacou a "ideia incrível" que é a existência, na exposição, de objetos arqueológicos em que o público é convidado a tocar. "Toquei em todos", exclamou. «LOULÉ. Territórios, Memórias, Identidades» é uma exposição que convida ainda para visitas temáticas, conversas, ateliers e caminhadas, em Lisboa e em Loulé, que revelam, de forma original e divertida, os costumes, hábitos alimentares e a vida quotidiana das várias civilizações que por ali passaram.

0 comentários:

Enviar um comentário