Desafio Fotográfico premeia olhar artístico sobre os Centros Históricos do Algarve


Diogo Correia foi o grande vencedor da segunda edição do desafio fotográfico promovido pela Câmara Municipal de São Brás de Alportel, com «Onda a colidir no paredão centenário do Challet de Armação de Pera», momento estrategicamente registado num trabalho de elevada qualidade técnica, e que convenceu o júri do «Algarve Genuíno 2017». O concurso teve por tema «À descoberta dos Centros Históricos» e os vencedores foram revelados no dia 29 de março, no âmbito do Dia Nacional dos Centros Históricos, aquando da inauguração da exposição com os trabalhos participantes, patente no Centro Explicativo e de Acolhimento da Calçadinha.
O trabalho «Promontório de Sagres», de Vanda Oliveira, registado no concelho de Vila do Bispo, conquistou o 2.º lugar, e Agostinho Teixeira, vencedor da primeira edição, alcançou desta feita o 3.º lugar com «Há vida na História», captado no Centro Histórico de Portimão. Aos 1.º, 2.º e 3.º lugares foram entregues vales oferta da FNAC no valor de 150, 100 e 50 euros, respetivamente. A Menção Honrosa Especial Centro Histórico de São Brás de Alportel foi atribuída a Carolina Custódio com «Casa Azul», o cenário escolhido pela concorrente para ilustrar a zona histórica do concelho que lançou a iniciativa. O júri deliberou ainda atribuir uma Menção Honrosa a Helena Correia, pelo excelente trabalho técnico e pela nova perspetiva com que captou as «Portas da Cidade de Silves».
O Desafio Fotográfico «Algarve Genuíno» é organizado pela Câmara Municipal de São Brás de Alportel e contou com o apoio da FNAC Faro, mediante a oferta de presentes que foram entregues às Menções Honrosas. A iniciativa pretende descobrir novos talentos do mundo da fotografia, privilegiando o registo para a posteridade de paisagens, pessoas ou momentos que apresentem uma forte ligação ao Algarve, à sua história e origens.