Feira do Livro de Faro volta ao Jardim Manuel Bívar


O Município de Faro vai promover, de 28 de julho a 13 de agosto, no Jardim Manuel Bívar, a 41.ª edição da Feira do Livro da Cidade de Faro. Assim se completam mais de quatro décadas sobre a primeira edição, realizada em 1976, de um certame que, para além da presença de alguns dos vultos maiores da literatura portuguesa, tem sempre primado pela divulgação dos jovens valores e dos escritores algarvios.
Com um vasto programa de animação, esta edição conta com a presença de vários autores nacionais que, para além de apresentarem as suas obras, debaterão com o público presente sobre a problemática literária, bem como de um conjunto de concertos, dos quais se destacam: no dia 6, Napalma – música eletrónica/percussão; dia 7, Fenoid + China – Live Act; dia 8, Sheila Na Gig – música tradicional irlandesa, dia 9, Poesia Bruxa – Poesia e música por Paulo Silva e Pedro Monteiro; e dia 13, Fried Fanekas – blues. Entre os escritores presentes na Feira salientam-se: no dia 30, às 21h30, Adão Contreiras e Adília César, com debate moderado por Reinaldo Barros; nos dias 31 de julho, 1 e 2 de agosto, às 21h terá lugar o Festival de Oralidades Fronteiras Perdidas; dia 1 e 2 de agosto, às 22h, a Associação Literária Reunida promoverá, respetivamente, «Dizer Faro», com Luís Alexandre, Hélio Pereira, Fernando Grade e Mário Nogueira, e «Ler Alto», com Luís Ene, Rogério Cão e Pedro Cerdeira; dia 3 de agosto, às 22h, Maria Luísa Francisco moderará o encontro com os escritores Teresa Rita Lopes, Fernando Pinto do Amaral e Cláudio Guimarães dos Santos.
No dia 5 de agosto, às 22h, estarão na Feira os escritores Pedro Chagas Freitas, Pedro Inocêncio e Alberto S. Santos; no dia 8, às 21h, Lina Vedes, João Carlos de Brito e Miguel Brito de Oliveira; no dia 10, às 21h30, será a vez de Fernando Guerreiro, Fernando Pessanha e Paulo Moreira. A encerrar o evento, no dia 13, às 21h30, estarão presentes os escritores Rui Cardoso Martins, Miguel Real e Alberto Riogrande. Todos estes encontros serão moderados por Maria Luísa Francisco.
O certame, que conta com a presença das principais livrarias da cidade e editoras nacionais, estará patente ao público, todos os dias, entre as 20h e as 24h.