Turismo algarvio continua a crescer de forma sustentável


A região do Algarve alcançou, nos primeiros cinco meses de 2017, fortes índices de crescimento sustentado em comparação com o período homólogo de 2016, quer quanto a valores acumulados, quer em relação ao mês de maio. De acordo com os principais indicadores agora divulgados, os valores dos proveitos acumulados no período em referência ascenderam a 240 milhões de euros contra cerca de 200 milhões em 2016, o que corresponde a uma significativa taxa de crescimento de 19,7 por cento (19,2 por cento no mês de maio).
Nas dormidas, os valores acumulados de janeiro a maio de 2017 na Região foram acima dos 5,7 milhões contra 5,2 milhões no período homólogo de 2016, o que representa um crescimento de 9,5 por cento (5,4 por cento só em maio). No que respeita ao número de hóspedes, no período em apreço estes aumentaram para 1,3 milhões nos primeiros cinco meses do ano (uma taxa de crescimento de 4,8 por cento em valores acumulados e de 3,8 por cento no mês de maio). Importa sublinhar que, em maio, o Algarve acompanha a tendência nacional, lidera o ranking das dormidas e alcança um lugar de destaque nos proveitos totais gerados.
Para Desidério Silva, presidente da Região de Turismo do Algarve, a performance da Região nestes cinco primeiros meses do ano é motivo de orgulho e satisfação por revelar o dinamismo, a diversidade e a qualidade do turismo algarvio. “É também um incentivo para o Turismo do Algarve, para que continuemos com o empenho e o entusiasmo de sempre no trabalho que temos vindo a desenvolver em prol da Região”.