Header AD

header ads

Teatro Experimental do Porto trouxe «A Tecedeira que lia Zola» a Faro


O Teatro das Figuras, em Faro, recebeu mais um espetáculo no âmbito do ciclo «Porto em Faro», no dia 26 de abril, com o Teatro Experimental do Porto a apresentar «A Tecedeira que Lia Zola», uma peça que nos transporta ao Portugal dos anos 70, para o período pré-revolução do 25 de abril de 1974.

Inspirados pelos movimentos revolucionários da época, jovens portugueses, burgueses, urbanos e letrados, decidem abandonar os seus estudos ou os seus primeiros empregos e rumam em direção às fábricas e aos campos para fazer a «revolução cultural». Clandestinos, enquanto pregam a revolução, pegam em enxadas e manobram máquinas agrícolas e fabris. Na mala guardam o «Germinal» de Émile Zola, o «Livro Vermelho» de Mao Tsé-Tung, o existencialismo de Jean-Paul Sartre e muita vontade de mudar o mundo.

E é a história de quatro desses jovens que conhecemos nesta bela peça do Teatro Experimental do Porto, encenada e cocriada por Gonçalo Amorim e com interpretação e cocriação de Bruno Martins, Catarina Gomes, Tiago Jácome e Sara Barros Leitão. Nos bastidores temos o Apoio Dramatúrgico de Rui Pina Coelho; a Cenografia e Figurinos são de Catarina Barros; o Desenho de Luz é de Francisco Tavares Teles; e a Música está a cargo de Pedro João. «A Tecedeira que lia Zola» é uma Coprodução do Teatro Municipal do Porto.

Texto: Daniel Pina | Fotografia: Daniel Pina


Teatro Experimental do Porto trouxe «A Tecedeira que lia Zola» a Faro Teatro Experimental do Porto trouxe «A Tecedeira que lia Zola» a Faro Reviewed by Daniel Pina on maio 05, 2018 Rating: 5

Sem comentários

Publicidade