Header AD

header ads

Beta Talk de junho com propostas de fazer crescer água na boca



A Beta Talk de junho acontece no dia 18 e, para além de inspiradora, será especialmente doce e com diferentes sabores. A partir das 19h, no habitual espaço do Café Concerto do TEMPO - Teatro Municipal de Portimão, vai-se estar à conversa com Joana Oliveira, fundadora da «Hapiness and Food by Entre Tachos e Sabores» e Baltazar Guerreiro, fundador da «ChocoFigo», dois empreendedores que abraçaram novos projetos e tornaram mais doce e saudável as suas vidas e a de outros.

Joana Oliveira tem 32 anos, é natural de Lisboa, mas foi em Portimão que passou a sua adolescência e decidiu ficar a viver após a faculdade na capital. Licenciada em Ciências da Educação e com um mestrado em Educação Especial, sempre foi apaixonada pela educação e pela culinária e tentou conjuga-las, uma no campo profissional, como professora, e outra no campo do lazer, através de criação do blogue «Entre Tachos e Sabores». Por motivos de saúde e bem-estar, a partir de 2014 começou a encarar a alimentação de uma forma mais consciente, não só como um mero ato de satisfazer uma vontade/necessidade, mas como um ato de extrema importância para o bem-estar físico e psíquico e, consequentemente, qualidade de vida. 

A partir desse momento altera a sua alimentação e começa a sentir a necessidade de partilhar as novas aprendizagens e os benefícios da adoção de um estilo de vida mais saudável. Passa a dinamizar workshops e a vontade de poder criar uma oferta na área da restauração mais saudável, a par de uma procura crescente dos seus serviços, levam-na a implementar um serviço de catering e a apostar na confeção de bolos festivos saudáveis. Aproveita o facto de esta ser uma área em franco crescimento e, no final do último ano letivo, decide fazer uma pausa no ensino e dedicar-se a 100 por cento a este projeto, nascendo assim o conceito «Hapiness and Food», que alia a felicidade a um estilo /alimentação saudável e vem substituir o anterior projeto «Entre Tachos e Sabores».

Baltazar Guerreiro é natural de Alcoutim mas é em Loulé que vive há mais de 40 anos e foi ali que abriu, em 2005, a primeira loja gourmet do Algarve. A entrada da «crise» faria com que viesse a fechar o negócio quatro anos depois, mas ficou com o «bichinho» do chocolate artesanal e a vontade de aprender a fazer bombons como aqueles que vendia aos seus clientes. Quis, porém, criar um produto algarvio que fosse diferente do que se encontrava no mercado. Em 2007, apostou a 100 por cento na chocolataria, focado exclusivamente nos produtos locais, com destaque para o figo, que ganha um novo estatuto, aliado a um produto premium como o chocolate e dá origem à marca «ChocoFigo». 

Era a génese de um produto regional inovador- o chocolate com figo seco, ao qual se juntou depois, a amêndoa, o medronho, a alfarroba e o figo da índia e até mesmo a batata-doce. O negócio familiar tem vindo a ganhar escala, com uma distribuição nas melhores lojas, um pouco por todo o país, sendo que a marca «ChocoFigo» já vende chocolates sazonalmente para mercados como o Luxemburgo, a Alemanha e a França e está presente também em muitas feiras de artesanato. Até ao final do ano prepara-se para lançar novos produtos e fazer a sua estreia no mercado biológico/artesanal.



Beta Talk de junho com propostas de fazer crescer água na boca Beta Talk de junho com propostas de fazer crescer água na boca Reviewed by Daniel Pina on junho 13, 2018 Rating: 5

Publicidade