Post Page Advertisement [Top]

Património Arqueológico de Loulé Velho é tema de laboratório e conferência

Património Arqueológico de Loulé Velho é tema de laboratório e conferência


Loulé Velho, sítio arqueológico que foi um importante centro de comércio romano no Algarve, é o mote para uma semana repleta de atividades culturais no Concelho de Loulé. Assim, até dia 27 de julho, irá realizar-se, no Museu Municipal de Loulé, o Laboratório Aberto «Arqueologia e Cerâmica Romana de Loulé Velho».

Tendo como ponto de partida a Exposição patente no Museu Nacional de Arqueologia, «Loulé. Territórios, Memórias, Identidades», pretende-se conhecer melhor a ocupação romana de Loulé Velho através do estudo das cerâmicas. Aos objetivos de caráter científico juntam-se outros de âmbito educativo/pedagógico, pois, estudando-se as coleções do Museu Municipal de Loulé, aprofunda-se o conhecimento sobre a época romana num contexto de investigação. Haverá, assim, uma componente teórica e outra prática, na qual os participantes serão confrontados com o inventário e classificação de cerâmicas. Este Laboratório, coordenado por Rui Roberto de Almeida e Catarina Viegas, do Centro de Arqueologia da Universidade de Lisboa, destina-se a estudantes de Arqueologia, estudantes do ensino secundário e público em geral.

No dia 26 de julho, pelas 18h, o Centro Autárquico de Quarteira recebe a Conferência de Apresentação do Projeto «Loulé Velho: Arqueologia de um Sítio (quase) desaparecido», por Catarina Viegas e Rui Roberto de Almeida. Neste momento será ainda apresentada a ação colaborativa com os munícipes de Loulé Velho «Olha o que tenho em casa!», recolha/inventário de fotos, objetos arqueológicos e memórias. As atividades integram-se no projeto LORIVAI – Loulé Velho e o Palestuário da Ribeira de Carcavai.



Bottom Ad [Post Page]