Verão com muita cultura nas galerias, Arquivo e Museu de Arqueologia de Albufeira



O Verão chegou e Albufeira é a casa de férias de milhares de turistas. As praias, a gastronomia e a animação fazem as delícias de quem visita o concelho e, para complementar essa oferta, o Município convida a uma passagem pelos seus espaços culturais para conhecer o trabalho de conceituados artistas, como o registo fotográfico de Albufeira pela objetiva de Artur Pastor ou as telas surrealistas de Lino Gonçalves.

A Galeria de Arte Pintor Samora Barros, situada no Largo Eng.º Duarte Pacheco, exibe, de 2 a 30 de julho, a exposição «Manifesto de Um – (Q.E.D)», de Lino Gonçalves. Com esta exposição, o artista assinala 20 anos desde a sua primeira mostra pública, altura do seu primeiro prémio de pintura. Com um conjunto de obras, entre óleos sobre tela, carvão sobre papel, técnica mista e pastel, o pintor reúne um grupo de trabalhos que falam da sua obra plástica, entendida como um manifesto artístico: Q.E.D. - Quod Erat Demonstrandum (porque é necessário mostrar). Para ver de segunda a sábado, das 17h às 23h.

Até 28 de julho, a dupla Anne-Marie Scour e Giséle Alfiéri expõe em conjunto telas e esculturas em cerâmica. Ambas privilegiam o abstracionismo e as suas obras refletem o respeito pela natureza e pela vida. A Galeria está aberta ao público de terça a sábado, das 9h30 às 12h30 e das 13h30 às 17h30. Encerra domingo, segunda-feira e feriados.

O Museu Municipal de Arqueologia de Albufeira e o Arquivo Histórico continuam a exibir a exposição «Albufeira, por Artur Pastor», que estará patente até 16 de dezembro. A exposição é centrada no fotógrafo de referência Artur Pastor que estabeleceu com o território algarvio, e em particular, com Albufeira, uma relação especial. Vinte anos após Artur Pastor ter realizado a sua última exposição, pretende-se mostrar parte do seu percurso e prestar uma homenagem ao legado que deixou para o concelho de Albufeira.

A exposição é composta por dois núcleos expositivos, «Locais com Histórias», apresentada no Arquivo Histórico, e «O mar e as suas gentes», presente no Museu. Cada uma das 77 imagens apresentadas transporta não só a sua visão, mas o encontro de várias histórias que ajudam a compreender e a interpretar a paisagem, a arquitetura, as pessoas e os modos de vida de Albufeira. O Museu está aberto das 9h30 às 12h30 e das 13h30 às 17h30 às terças, sábados e domingos e das 9h30 às 17h30 às quartas, quintas e sextas, encerrando à segunda-feira.

Verão com muita cultura nas galerias, Arquivo e Museu de Arqueologia de Albufeira Verão com muita cultura nas galerias, Arquivo e Museu de Arqueologia de Albufeira Reviewed by Daniel Pina on julho 02, 2018 Rating: 5

Publicidade